Você é o que você Publica -

Talentos de alta performance
fazem a diferença!

Você é o que você Publica

Por Vanessa Venceslao* | Gerente de Operações e Headhunter  Keeptalent

 

As mídias sociais revolucionaram não apenas a forma das pessoas se relacionarem, mas também a forma como as empresas se conectam com seus clientes,  colaboradores e com os profissionais que concorrem às vagas abertas na organização.

Se antes o processo de seleção ocorria com base unicamente no currículo, hoje, é possível obter muitas informações além daquelas inseridas no documento oficial de apresentação de um candidato.  Se você está à procura de uma vaga de emprego e deseja causar boa impressão online é preciso seguir o que chamamos de Etiqueta das Mídias Sociais.

- Mantenha um perfil aberto
Se você quer ser encontrado pelos headhunters das melhores agências de emprego é preciso mostrar quem você é, e permitir que todos vejam suas publicações e conheçam seus interesses, gostos e atitudes.

- Atualização constante
Um perfil bem atualizado, com informações relevantes sobre a área de atuação e conteúdo de qualidade coloca um candidato a uma vaga de emprego em evidência.  Se a pessoa mantém um blog, por exemplo, com informações sobre sua área de atuação, com certeza vai despertar uma impressão positiva, pois revela tratar-se de uma pessoa dedicada e disciplinada.

- Escrita correta
Erros de português causam má impressão e podem afastar de vez a possibilidade de contratação. Certifique-se, sempre, se o que você publica está bem escrito e segue a norma culta da língua portuguesa.

- Esteja presente em várias mídias
Facebook, Twitter e Instagram são as redes sociais preferidas dos brasileiros. Um bom candidato deve estar em todas elas e também no Linkedin, a principal rede social de negócios, que permite divulgar dados como onde estudou, quais projetos mantém ou está envolvido, e quais atividades realiza.

Não há um critério pré-estabelecido para avaliação de um candidato a uma vaga de emprego nas mídias sociais. A avaliação ocorre com base no perfil da vaga e nos ideais da empresa contratante, mas, a primeira impressão é a que fica, por isso é preciso tomar alguns cuidados.

Evitar comportamentos agressivos e comentários preconceituosos e negativos sobre situações cotidianas é a principal recomendação, afinal, você é o que você publica, e o que você publica pode ser a porta de entrada para sua contratação.

 

*Coach e Consultora da Keeptalent especializada em processos de Executive Search, Assessment e Pesquisa de clima.

Assuntos mais buscados